GERENCIAMENTO DOS RISCOS EM PROJETOS DE SOFTWARE

uma aplicação da simulação de Monte Carlo no cronograma de um projeto

  • Pedro Henrique Camargo de Abreu Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
  • Fernando Rodrigues Amorim Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil

Resumo

O cronograma representa um elemento crucial dentro dos projetos, portanto, a elaboração de estimativas e previsões a seu respeito, proporcionam informações valiosas, que auxiliam os tomadores de decisão na busca pelo sucesso e viabilidade do projeto. Referindo-se a projetos de software, deve-se considerar, que o foco está em desenvolver um projeto de qualidade, capaz de satisfazer as necessidades do cliente, sem exceder o prazo e o custo previamente estabelecidos. Dentre os métodos capazes de proporcionar tais estimativas, é possível destacar a Simulação de Monte Carlo (SMC). O objetivo do presente trabalho é abordar e compreender o processo de gerenciamento de riscos em projetos, através da SMC em um projeto de software, com intenção de analisar o sucesso deste projeto. A metodologia adotada consiste em uma pesquisa exploratória, a fim de embasar o procedimento técnico tratado no estudo de caso, com análise quantitativa dos dados. Os resultados obtidos na simulação indicam que o projeto tem uma tendência (50,39%) a ser concluído em um prazo acima da duração realista, o que não comprometeria o sucesso do projeto, mas evidencia a necessidade de atenção e, até mesmo, a criação de planos de contingência.

Palavras-chave

Publicado
29/07/2017
Como citar este artigo
CAMARGO DE ABREU, Pedro Henrique; AMORIM, Fernando Rodrigues. GERENCIAMENTO DOS RISCOS EM PROJETOS DE SOFTWARE. Revista Interface Tecnológica, [S.l.], v. 14, n. 1, p. 19, jul. 2017. ISSN 2447-0864. Disponível em: <http://159.203.166.88/index.php/interfacetecnologica/article/view/135>. Acesso em: 21 nov. 2017.
Formatos para citação deste artigo
Seção
Tecnologia em Informática